em

Quer trocar de carro? Entenda por que 2020 é o ano certo

Em uma crescente de vendas, setor automotivo inicia o ano com ótimas expectativas

(Imagem ilustrativa/Freepik)

Culturalmente, o brasileiro é apaixonado por carros. A conquista de adquirir o primeiro veículo só é superada pela oportunidade de trocar de modelo assim que possível. É por isso que a indústria automotiva brasileira amplia seus faturamentos a cada ano. Em janeiro, por exemplo, apesar do coronavírus, a produção industrial cresceu 0,9% em janeiro, iniciando o ano no azul.

Com esse movimento positivo do mercado e pegando carona com uma pesquisa realizada pelo instituto Webmotors Auto Insights, a pedido da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), cerca de 88% dos entrevistados revelaram querer trocar de carro em 2020. 

Setor cresce em expansão mercadológica

Ao considerarmos os dados da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), veremos que foram emplacados um total de 2.952.485 veículos, entre automóveis comerciais leves, ônibus, caminhões e motocicletas, de janeiro a setembro de 2019. Se focarmos apenas em automóveis comerciais leves, o acúmulo dos nove primeiros meses de 2019 resulta em 1.935.013 unidades, 8,75% a mais do que o observado no mesmo período de 2018, em que aproximadamente 1.779.300 unidades foram vendidas.

Vale destacar, ainda, que um balanço divulgado pela Anef (Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras) revelou que as instituições financeiras liberaram cerca de R$ 115,7 bilhões para a aquisição de veículos de forma parcelada até o mês de setembro de 2019. Isso significa que a concessão de financiamentos também está favorável ao mercado. 

2020: hora de trocar de carro!

Tudo isso revela uma evolução do setor automobilístico e uma ótima oportunidade para quem deseja trocar de automóvel neste ano. Além do financiamento veicular, existem outras formas de comprar ou trocar de carro. Se você é elegível para o empréstimo consignado, por exemplo, pode solicitar este crédito com as menores taxas do mercado financeiro e pagar o automóvel à vista, negociando um desconto.

Outra opção, ainda, é aproveitar as ofertas encontradas em um leilão de automóveis. Embora, neste caso, o pagamento também deva ser realizado à vista, é possível comprar um veículo até 30% mais barato do que em concessionárias. Por fim, se o seu desejo é, de fato, trocar de carro, é possível dar o seu usado como entrada e financiar/pagar a diferença do novo modelo. 

Antes de fazer a troca de carro, no entanto, vale pesquisar sobre os melhores modelos e qual lidera em número total de vendas e aceitação dos clientes em suas categorias, considerando sempre o consumo de combustível e os valores anuais a serem pagos (IPVA, licenciamento, DPVAT), para, então, realizar uma aquisição fundamentada e satisfatória.

PUBLICIDADE


Patrocinador
Loading...
PUBLICIDADE
Emilia Pedersen (Foto: Divulgação)

Apaixonada pelo Brasil, dinamarquesa Emilia Pedersen festeja 18 anos no Rio

(Foto: Divulgação)

Bahia confirma décimo caso do Novo Coronavírus (Covid-19)