em

OAB divulga calendário para Exame da Ordem em 2020

Ao longo do ano serão três edições da prova

Esse é o momento que todo estudante de direito imagina: o dia da prova da Ordem OAB (Ordem dos Advogados do Brasil). São dias de muito estudo e preparo para ter a famosa carteirinha de advogado e poder exercer a profissão. E esse dia já tem as datas marcadas. 

De acordo com a Coordenação Nacional do Exame de Ordem, em 2020, serão realizadas as edições 31ª, 32ª e 33ª. Segundo o artigo 8º, IV, da Lei nº 8.906/1994, a aprovação no teste é necessária para a entrada na Ordem dos Advogados do Brasil como advogado.

Para se inscrever, é necessário ser bacharel em direito (mesmo que ainda não tenha feito a colação de grau), ser formado em faculdades credenciadas pelo Ministério da Educação (MEC) e ser estudante que esteja nos dois últimos semestres de faculdade.

Veja as datas do calendário OAB 2020:

31º Exame de Ordem Unificado
Publicação do edital de abertura: 02/12/2019
Período de inscrições: 02/12/2019 a 09/12/2019
Prova objetiva (1ª fase): 09/02/2020
Prova prático-profissional (2ª fase): 05/04/2020

32º Exame de Ordem Unificado
Publicação do edital de abertura: 01/04/2020
Período de inscrições: 01/04/2020 a 08/04/2020
Prova objetiva (1ª fase): 14/06/2020
Prova prático-profissional (2ª fase): 09/08/2020

33º Exame de Ordem Unificado
Publicação do edital de abertura: 10/08/2020
Período de inscrições: 10/08/2020 a 17/08/2020
Prova objetiva (1ª fase): 11/10/2020
Prova prático-profissional (2ª fase): 06/12/2020

Dados e estatísticas

É importante estudar bastante. De acordo com os dados da OAB, o índice de aprovação média é de 16,79%, nos últimos 10 anos. Estima-se que mais de 650 mil pessoas que concluíram o bacharelado em direito tenham sido reprovadas nos últimos três anos no Exame de Ordem. 

Pegadinhas

Existem matérias habituais, como Ética e Estatuto da OAB, Direito Civil, Processo Civil, Direito Penal e Direito do Trabalho. Porém, existem muitas pegadinhas na prova da OAB – o importante é se atentar para não cair em uma delas. Os especialistas da área apontam as matérias que geram mais polêmicas na prova. Confira abaixo:

  • Diferenças entre o antigo e o novo Código Civil;
  • Improbidade administrativa;
  • Crime contra a ordem tributária e excludentes de ilicitude e culpabilidade;
  • Reforma trabalhista;
  • Diferença entre impedimentos e incompatibilidades



Patrocinador
Loading...
Foto: Reprodução

Entenda porque é urgente para a Bahia fazer ajustes na previdência

Ilustração. Foto: Arquivo/Folha Geral

Resultado do Enem 2019 será divulgado no próximo dia 17