em de

Washington aumenta impostos sobre importações chinesas; Pequim retalia

Foto: Ana Cristina Campos/Agência Brasil

O governo americano colocou em vigor tarifas adicionais de cerca de 15% sobre importações chinesas no valor de US$ 110 bilhões.

As taxas atingem mais de 3.200 itens, entre eles televisores LCD, relógios e móveis. Com a mudança, quase 70% dos produtos importados da China são agora tributados pelos Estados Unidos (EUA).

Pequim revidou imediatamente, implementando tarifas de até 10% sobre mais de 1.700 produtos americanos, entre eles petróleo bruto e soja.

Os dois países afirmam estar preparados para continuar a escalada na disputa comercial, com a imposição de novas tarifas até mesmo em dezembro.

O governo do presidente Donald Trump adotou uma política de tentar garantir concessões de Pequim por meio da imposição de tarifas.

Os chineses têm mostrado que não vão retroceder em questões que consideram importantes e têm respondido com a mesma tática dos americanos.



Patrocinador
Loading...

Agência Brasil

Conteúdo exclusivo da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) - http://agenciabrasil.ebc.com.br/

Ilustração. Foto: Pixabay

País registra 32,05 milhões de contratos de banda larga fixa

Vanessa da Mata e Emilia Pedersen. Foto: Cláudia Knutsson

Cantora dinamarquesa aplaude Vanessa da Mata e abre show de Daniela Mercury