em

Saúde bucal depois dos 40, 4 problemas que podem ocorrer, aprenda como tratá-los

Assim, conforme o tempo vai passando, é preciso se atentar aos cuidados bucais

(Imagem ilustrativa/Freepik Premium)

O envelhecimento é inevitável para todo ser humano e a partir de uma determinada idade é preciso entender as mudanças que ocorrem no corpo, como o caso da saúde bucal depois dos 40. Além disso, é preciso começar a tomar os devidos cuidados para evitar que problemas surjam com essas mudanças.

Assim, conforme o tempo vai passando, é preciso se atentar aos cuidados bucais. Afinal, caso a pessoa não tenha tido bons hábitos, nesta idade os dentes podem apresentar desgastes, um grande amarelamento e, até mesmo, o enfraquecimento dos dentes.

Por isso, é preciso começar a se atentar aos problemas que podem vir a aparecer e adotar, mesmo antes dessa idade, rotinas mais saudáveis. Neste artigo, você irá descobrir quais são os principais problemas que podem surgir depois dos 40 anos e aprender a como tratar e se prevenir.

(Imagem ilustrativa/Freepik Premium)
(Imagem ilustrativa/Freepik Premium)

4 problemas bucais que podem acontecer depois dos 40

De acordo com especialistas da área, a perda dentária acontece frequentemente a partir dos 40 anos. Outras doenças e distúrbios também podem ocorrer nesta faixa etária. Por isso, separamos os 4 principais para auxiliar em sua compreensão.

Maior sensibilidade

Pessoas a partir dos 40 anos tendem a ter uma maior sensibilidade nos dentes.
Isso acontece porque, conforme o tempo passa, há um possível deslocamento da gengiva e a raiz pode começar a ser exposta. Outros fatores que podem causar o agravamento deste problema são:

  • Má alimentação;
  • Estresse;
  • Fumo;
  • Higienização inadequada.

Diminuição da saliva

Muitos não sabem, mas a saliva tem um papel primordial para a saúde bucal. Na prática, ela é responsável por manter a hidratação das gengivas e a limpeza dos dentes. Por isso, pessoas com a boca seca tendem a sofrer com dores gengivais e doenças como a cárie e a gengivite. Esse distúrbio pode acontecer depois dos 40 devido ao grande consumo de medicamentos, como antibióticos e remédios que controlam o estresse.

Lesões bucais

A taxa de pessoas com 40 anos ou mais que consomem bebidas alcoólicas e fazem o uso de cigarro cresce cada vez mais. Esses hábitos podem causar alguns problemas como inflamações e até mesmo úlceras bucais. O motivo disso são as substâncias que estes produtos contém. Dessa forma, o consumo frequente pode resultar em lesões.

Para amenizar os danos, o melhor é visitar um odontologista e conversar sobre prótese sobre implante dentario e outros métodos de restauração a fim de recuperar o seu sorriso.

Enfraquecimento dos dentes

Se uma pessoa não teve bons cuidados bucais durante a sua infância e adolescência, é muito provável que os dentes não estejam fortes o suficiente ao chegar aos 40 anos. É justamente por isso que os odontologistas apontam que a taxa de realização de implante dental vem crescendo significativamente.

Isso porque este tratamento é capaz de devolver a segurança para o paciente ao mastigar e se alimentar, sem medo ou dor.

Invista em sua saúde bucal

Para se manter livre destes possíveis problemas, é preciso criar uma boa rotina de cuidados bucais. Para isso, fazer uma boa higienização é fundamental para que não haja futuras complicações. Utilizar uma escova macia, uma boa pasta de dente e não se esquecer do fio dental é uma excelente maneira de potencializar a saúde de seus dentes.

Vale ressaltar que não é preciso fazer pressão no momento em que estiver escovando os dentes, pois é o movimento adequado o responsável pela limpeza. Além disso, fazer força durante a escovação pode causar sangramentos e lesões que podem infeccionar. Por isso, procure fazer movimentos leves e circulares em toda a sua cavidade bucal.

Vá ao dentista

Além de uma boa higienização, ter um acompanhamento com um profissional é de extrema importância. Afinal, um especialista é a pessoa mais indicada para apontar o que precisa ou não ser feito, quais cuidados recorrer e procedimentos que podem ou devem ser realizados. Ter consultas periódicas depois dos 40 pode fazer com que a sua saúde bucal seja preservada por muitos anos.

Além disso, é melhor se prevenir das doenças do que procurar um profissional apenas quando a dor estiver muito grave. Dedique-se à sua saúde bucal e fique livre dos problemas que são mais suscetíveis nesta faixa etária. Dessa forma, você estará garantindo uma melhor qualidade de vida por muito mais tempo!

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Vue Odonto, uma rede especializada em atendimento odontológico com enfoque na humanização.

*Conteúdo colaborativo para o Folha Geral

Da Redação, com agência*

*Com Agência de Notícias
Envie seu conteúdo para análise editorial: redacao@folhageral.com.br
Conheça as condições em https://www1.folhageral.com/termos-e-condicoes

(Imagem ilustrativa/Freepik)

5 benefícios da atividade física para o organismo

(Imagem ilustrativa/Freepik)

Como cuidar do seu sorriso pode aumentar a sua autoestima