Chegou o momento esperado por muitos beneficiários do Auxílio Brasil que fizeram o pré-cadastro para contratação do consignado.

Nesta segunda-feira (10), os bancos foram autorizados pelo Dataprev a iniciar as contratações e os beneficiários já podem solicitar empréstimo Auxílio Brasil até 2500 reais.

Com um teto de juros máximo definido de 3,5% para esta modalidade de consignado, não são todos os bancos que estão oferecendo empréstimo.

Continue a leitura e saiba como vai funcionar o empréstimo consignado Auxílio Brasil.

(Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil)
(Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil)

Como funciona o consignado para Auxílio Brasil?

De acordo com a portaria nº 816, publicada no Diário Oficial da União, fica regulamentado que o valor máximo comprometido deve ser de 40% do benefício Auxílio Brasil.

Devemos lembrar que, apesar dos R$600 disponíveis para sacar Auxílio Brasil até dezembro deste ano, o valor oficial do benefício em 2022 é de R$400.

As contratações poderão ser parceladas no período mínimo de 6 meses ou máximo de até 24 meses (2 anos).

Por ser uma modalidade de consignado, as parcelas serão descontadas diretamente na folha de pagamento do beneficiário do programa.

Vale ressaltar que para realizar as contratações é preciso ser o titular do benefício, portanto saiba como se cadastrar no Auxílio Brasil para garantir direito ao consignado.

É importante saber que, de acordo com as regras, se o benefício for cancelado, o empréstimo não será cancelado.

Assim, o beneficiário deverá se organizar para continuar os pagamentos do empréstimo até o final do prazo do contrato, depositando na sua conta o valor da parcela.

Na hora de contratar, a instituição financeira escolhida deve informar ao contratante:

  • o valor total com e sem juros;
  • a taxa efetiva mensal e anual de juros;
  • todos os valores a mais que incidam sobre o valor do crédito contratado;
  • o valor e quantidade de parcela, que inclusive não poderão incluir centavos;
  • a data do início e fim do desconto;
  • o valor da comissão paga aos terceirizados contratados pelas instituições financeiras para a operacionalização da venda do crédito, quando não for efetuado por sua própria rede;
  • o CNPJ da Instituição bancária que realizou a contratação, ou o CNPJ do correspondente bancário e o CPF do agente subcontratado pelo anterior, acrescido de endereço e telefone;
  • o valor líquido do benefício restante após a eventual contratação do empréstimo.

Qual o valor limite para Auxílio Brasil?

A intenção de empréstimo não servirá para objetivos muito acima dos 2 mil reais, já que o  limite da contratação será em torno de R$2.500.

O valor varia de acordo com os 40% do valor do benefício que será comprometido e a margem de juros máxima que poderá ser cobrada.

Cada instituição financeira pode adotar sua própria taxa de juros, desde que seja no máximo 3,5% ao mês. Assim, o limite a ser liberado pode variar entre as instituições financeiras.

Porém, é obrigatório que o banco informe a taxa de juros aplicada e o Custo Efetivo Total (CET) do empréstimo no momento da contratação, portanto fique atento às regras de negócio.

Além disso, é proibida a cobrança da Taxa de Abertura de Crédito (TAC) e de outras taxas administrativas, como também dar prazo de carência para o início dos descontos em folha.

Como solicitar o consignado para Auxílio Brasil?

Até o momento, apenas 12 instituições financeiras estão autorizadas pelo Dataprev a realizar empréstimo com Auxílio Brasil.

Conforme informado pelo Ministério da Cidadania, as instituições autorizadas foram:

  • Caixa Econômica Federal;
  • meutudo (em parceria com QI Sociedade de Crédito Direto S/A);
  • Banco Agibank S/A;
  • Banco Crefisa S/A;
  • Banco Daycoval S/A;
  • Banco Pan S/A;
  • Banco Safra S/A;
  • Capital Consig Sociedade de Crédito Direto S/A;
  • Facta Financeira S/A Crédito, Financiamento e Investimento;
  • Pintos S/A Créditos;
  • Valor Sociedade de Crédito Direto S/A;
  • Zema Crédito, Financiamento e Investimento S/A.

O beneficiário deverá entrar em contato com a instituição financeira de seu interesse para realizar a contratação, com base na taxa de juros e regra de negócio interna de cada uma.

Alguns bancos estão disponibilizando simulações e a contratação inteiramente online, então lembre-se de pesquisar a melhor opção para você.

*Colaboração de Meu Tudo

Aurora

Colaboradora do Folha Geral. O conteúdo é de inteira responsabilidade da autora e não expressa a opinião do Folha Geral