em de

Salvador tem mais 2.460 técnicos de nível médio

Governador Rui Costa participa da Formatura de Técnicos de Nível Médio no Centro de Convenções. Foto: Manu Dias/GOVBA
Governador Rui Costa participa da Formatura de Técnicos de Nível Médio no Centro de Convenções. Foto: Manu Dias/GOVBA

O mercado de trabalho está mais acessível para 2.460 novos técnicos de nível médio de Salvador, formados nesta terça-feira (28), no Centro de Convenções. A solenidade, que teve a presença do governador Rui Costa, foi realizada com a diplomação de estudantes de nove Centros Estaduais de Educação Profissional e de 19 unidades escolares que ofertam Educação Profissional na capital. Este ano, cerca de 14 mil baianos vão receber diploma de curso profissionalizante em todas as regiões do estado.

Para Rui, a formatura é apenas o primeiro passo importante na carreira dos novos técnicos. “O mercado nos desafia a continuarmos nos capacitando para garantir um posto de trabalho e a ascensão profissional. Por isso meu sonho é transformar a educação pública e fazê-la cada vez melhor na Bahia. Então o Governo do Estado propôs um pacto pela educação, convidando a sociedade, a família e a iniciativa privada para cada um fazer a sua parte”.

Governador Rui Costa participa da Formatura de Técnicos de Nível Médio no Centro de Convenções. Foto: Manu Dias/GOVBA
Governador Rui Costa participa da Formatura de Técnicos de Nível Médio no Centro de Convenções. Foto: Manu Dias/GOVBA

Jovens e adultos

Os jovens encaram a diplomação no curso profissionalizante com maturidade. Juliana Souza Cerqueira, 19 anos, é uma das novas técnicas em Logística. “Todos que nos formamos estamos com o pé no primeiro emprego e já é meio caminho andado”. Também com 19 anos, a técnica em Logística Adriele dos Santos diz que vai fazer outros cursos, outras faculdades. “É uma grande oportunidade para crescer. Agora, eu espero conquistar aperfeiçoamento para o futuro”.

Quem tem mais idade se sente renovado, com ânimo para novas conquistas. Ednalva Bispo, 48, agora é técnica em Nutrição e afirma que a idade não atrapalha, pelo contrário, conta a favor. “Quando era mais nova ficava em cima do muro. Com os anos e a experiência, eu amadureci e observei que quero focar no que estou fazendo. E não vou parar por aqui. Tenho o objetivo de crescer”.

Aos 51 anos, Diana de Jesus também é uma das novas técnicas em Nutrição. “A idade não é empecilho na minha vida, dificuldade é ficar parada no tempo. Agora quero que as portas se abram porque o importante não é a idade, é a vontade. Pretendo saber quais os concursos serão realizados e vou lutar por uma vaga”.

Governador Rui Costa participa da Formatura de Técnicos de Nível Médio no Centro de Convenções. Foto: Manu Dias/GOVBA
Governador Rui Costa participa da Formatura de Técnicos de Nível Médio no Centro de Convenções. Foto: Manu Dias/GOVBA

Programa do primeiro estágio

Rui anunciou que o Governo do Estado vai lançar nos próximos dias o programa do primeiro estágio. “O programa está sendo formatado para atender às necessidades do mercado de cada região. A todo empresário, que está em contato com o Governo do Estado, eu peço o apoio para estas pessoas que estão se formando no ensino profissionalizante”.

As modalidades de cursos profissionalizantes são três, com mais de 80 cursos divididos em 12 eixos tecnológicos, como Gestão de Negócios, Tecnologia da Informação e Recursos Naturais. No Educação Profissionalizante Integrada (EPI), os alunos já ingressam no início do ensino médio, que será todo cursado junto com disciplinas profissionalizantes.

O Pro-Sub é a modalidade desenvolvida para jovens que já terminaram o ensino médio e desejam retornar aos estudos fazendo um curso profissionalizante. Já o Proeja é destinado a maiores de 18 anos que abandonaram os estudos e pretendem voltar à sala de aula para concluir o ensino médio junto a um curso profissionalizante.

Segunda maior rede do País

Em 2006, a Bahia tinha 4 mil alunos matriculados no ensino profissionalizante. Hoje mais de 75 mil alunos compõem a segunda maior rede de ensino profissionalizante do País. Nos últimos oito anos, a Bahia formou cerca de 44 mil novos técnicos e saltou de 22 para 123 municípios atendidos, com ensino profissionalizante, em todos os territórios de identidade do estado.

PUBLICIDADE

Publicidade

Teste grátis por 14 dias. Se você gostar, assine utilizando o cupom: LC3JQAWPE3XK74E e ganhe 20% de desconto durante 1 ano. Saiba mais em: Conheça o G Suite



Loading...

Da Folha Geral, em Salvador*

*Com colaboração de (agência, assessoria ou especialista)

PUBLICIDADE

Leilão de gado de corte ganha a força da marca Bahia Farm Show Pecuária

Goiânia: Estudantes de nível médio e superior têm a oportunidade de estágio na prefeitura