em

Advogado é flagrado com mais de R$ 100 mil sem comprovação de origem na BA

O advogado de 41 anos foi abordado pela PRF na BR-116, em Feira de Santana. Aos policiais, ele relatou que estava indo para aniversário de um amigo

(Foto: Divulgação/PRF)
(Foto: Divulgação/PRF)

Na tarde dessa sexta-feira (3), policiais rodoviários federais realizavam fiscalização de combate a criminalidade no KM 429 da BR 116, em Feira de Santana (BA), quando abordaram um veículo Toyota/ Etios, com 1 ocupante.

Inicialmente, foram solicitados os documentos de porte obrigatório, momento em que a equipe percebeu que um certo desconforto da ação policial por parte do motorista.

Os PRFs realizaram uma vistoria minuciosa no Etios, sendo localizada a quantia de R$ 110.000,00 (cento e dez mil reais) em dinheiro de origem imprecisa. As cédulas distribuídas em notas de cem e cinquenta reais estavam escondidas em sacolas.

Questionado, o advogado de 41 anos, apresentou informações desencontradas. No momento da abordagem, ele relatou que as embalagens, onde foi encontrado o dinheiro, seria um presente para um amigo. Logo após os policiais encontrarem as cédulas, o homem informou que o dinheiro seria entregue a um preposto em um hotel da cidade.

A ocorrência foi apresentada na Delegacia de Polícia Judiciária para os procedimentos cabíveis. Ele poderá responder pelo crime de lavagem de dinheiro, cuja pena varia de três a dez anos de prisão.

(*Com informações da PRF)

Da Redação

Conteúdo produzido pela Redação Folha Geral. Conheça a história da Folha Geral em https://www1.folhageral.com

AGERBA realiza limpeza nos ônibus do transporte público metropolitano. Foto: Camila Souza/GOVBA

Transporte é suspenso em mais cinco cidades baianas; total chega a 356

(Imagem: Folha Geral/Divulgação)

Bahia registra 3.171 casos novos de Covid-19 e 49 óbitos em 24 horas