A tecnologia está cada vez mais presente em várias áreas da nossa vida, e a agricultura não é diferente. No Brasil, as vantagens da tecnologia no mercado agro são inúmeras, desde o aumento da produtividade até a redução de custos.

Em tempos tecnológicos, o campo não poderia ficar de fora! E nem deixar de se beneficiar das vantagens que ferramentas inovadoras e feitas especificamente para a agricultura poderiam proporcionar.

Aliás, quando pensamos em competição apenas usando ferramentas digitais é possível obter garantias no mercado brasileiro e internacional. Mas como você pode implantá-lo? Confira nesse artigo!

Mostraremos as vantagens, principais tecnologias utilizadas no mercado agro, e como você produtor rural também pode se beneficiar da tecnologia no campo!

Quais são as tecnologias usadas na agricultura do Brasil?

As tecnologias utilizadas com maior frequência e eficácia atualmente são:

– Sistemas de irrigação automatizados: irrigação por gotejamento, que permite um controle maior da umidade do solo e da irrigação;

– Sensores agrícolas: sensores para medição da temperatura do solo, umidade e outros parâmetros importantes para trabalhar com o conceito de agricultura de precisão;

– Máquinas agrícolas automotrizes: sistemas de monitoramento climático, que ajudam na tomada de decisões sobre plantio e colheita; 

– GPS para agricultura: GPS para mapeamento de campos e controle de maquinários.

Vantagens da tecnologia na agricultura

Além disso, o uso da tecnologia no mercado agro traz diversas vantagens. Como aumento da produtividade, redução de custos, produção sustentável, segurança dos profissionais, viabilidade econômica e gestão dos processos.

As vantagens da tecnologia na agricultura do Brasil não param por aí. Com o uso de sistemas de controle e monitoramento, é possível ter um maior controle sobre todo o processo produtivo. Isso ocorre desde o plantio até a colheita, o que garante mais eficiência e qualidade na produção.

Além das vantagens já citadas, o uso da tecnologia na agricultura também traz outros benefícios. Como a produção sustentável, a segurança dos profissionais e a viabilidade econômica. Essas que vamos detalhar mais abaixo.

Aproveite e veja também: Bahia Farm Show demonstra diversificação em espaço dedicado à agricultura familiar

#1 Aumento da produtividade

A tecnologia na agricultura aumenta a produtividade de várias maneiras. Em primeiro lugar, ela permite que os agricultores plantem e colham mais rapidamente. Além disso, as máquinas agrícolas automatizadas permitem que um único operador controle vários equipamentos ao mesmo tempo, o que também aumenta a produtividade.

Outra forma pela qual a tecnologia na agricultura aumenta a produtividade é permitindo que os agricultores cultivem terras que antes eram consideradas improdutivas. Por exemplo, a irrigação por gotejamento pode permitir que as plantas cresçam em solos secos ou com baixa umidade.

Além disso, os sensores agrícolas permitem monitorar vários parâmetros do solo e das plantas para identificar problemas antes que eles causem prejuízos à colheita. Em suma, a tecnologia na agricultura permite que os agricultores produzam mais com menos tempo e esforço.

#2 Redução de custos

A tecnologia também pode ajudar os agricultores a reduzirem custos. As máquinas agrícolas automatizadas podem ser programadas para realizarem várias tarefas, o que elimina a necessidade de contratar vários operadores. Outra forma pela qual a tecnologia na agricultura pode reduzir custos é permitindo que os agricultores cultivem terras que antes eram consideradas improdutivas.

#3 Produção sustentável

Os sensores agrícolas permitem monitorar vários parâmetros do solo e das plantas para identificar problemas antes que eles causem prejuízos à colheita. Isso permite que os agricultores tomem medidas para corrigir problemas antes que eles causem danos às plantas ou ao solo.

Além disso, as máquinas agrícolas automatizadas podem ser programadas para realizarem várias tarefas, o que elimina a necessidade de contratar vários operadores. Essa redução do número de operadores também contribui para a sustentabilidade, pois reduz o número de pessoas que precisam trabalhar no campo.

Enfim, a tecnologia na agricultura pode contribuir para a produção sustentável de várias maneiras, como também no suprimento energético com usinas fotovoltaicas e biomassa.

#4 Segurança aos profissionais

As máquinas agrícolas automatizadas permitem que um único operador controle vários equipamentos ao mesmo tempo, o que também aumenta a produtividade. Isso significa que há menos pessoas trabalhando no campo, o que reduz o risco de acidentes.

Como as mudanças climáticas afetam o agronegócio e quais tecnologias podem ser aplicadas neste momento?

As recentes mudanças climáticas afetam o agronegócio de várias maneiras. Os agricultores enfrentam novos desafios, como o aumento das temperaturas e a incidência de pragas e doenças. A tecnologia pode ajudar os agricultores a lidarem com esses problemas.

Permitindo que monitorem vários parâmetros do solo e das plantas para identificar problemas antes que eles causem prejuízos à colheita. Enfim, a tecnologia na agricultura não só contribui para aumentar a produtividade.

Como também para a segurança dos profissionais que trabalham no campo além da exposição a fatores externos como mudanças climáticas.

Conclusão

Com todas essas vantagens, fica cada vez mais evidente que a tecnologia é indispensável para o agronegócio brasileiro. A agricultura do Brasil tem tudo para se tornar ainda mais competitiva no mercado internacional, e as vantagens da tecnologia são um grande passo nessa direção.

A agricultura tecnológica é cada vez mais vista como uma solução viável para o aumento da produtividade. Tanto para a sustentabilidade do meio ambiente quanto para a segurança alimentar.

No entanto, é importante ressaltar que o uso da tecnologia deve ser feito de forma consciente e responsável, pois ela só trará benefícios se for utilizada de forma adequada. Quer saber mais sobre as vantagens da tecnologia na agricultura do Brasil? 

Então, continue acompanhando o nosso portal! Em breve, traremos mais informações sobre este assunto.

Paula Moraes

Colaboradora do Folha Geral - cada publicação é de responsabilidade da autora