em

Como usar o WhatsApp Business para alavancar o sucesso do seu negócio?

Pesquisa mostra que consumidor prefere WhatsApp ao e-mail

(Foto: Divulgação)

Não é segredo para ninguém que o aplicativo WhatsApp é um dos mais utilizados pelos brasileiros. E o que já se sabia, agora foi confirmado com dados: um estudo realizado pelo Grupo Gama revelou que essa aplicação móvel é, de fato, a mais utilizada em nosso país.

Um fato curioso indicado pela pesquisa é que, entre os entrevistados, 60% preferem o app até para assuntos de trabalho. Para além das relações pessoais por meio de redes sociais e aplicativos de comunicação, também faz parte desses eventos o processo de implementar tecnologias nas empresas.

Esse fenômeno de digitalização dos meios de comunicação e trabalho faz parte do que é chamado de Quarta revolução industrial. E o WhatsApp está de olho nessa demanda, inovando para atendê-la. Desde março de 2019, tanto usuários Android como iOS podem baixar a versão comercial do aplicativo: o WhatsApp Business.

Funcionamento dessa versão do app

O WhatsApp Business é o aplicativo ideal para quem tem uma pequena ou média empresa e precisa se comunicar diretamente com seus clientes e fornecedores. Ele tem mais recursos para os administradores do que a versão social do app e agiliza a conversa com os consumidores. E o melhor: também grátis.

Um dos recursos mais interessantes é o sistema de automatização de mensagens. Isso possibilita ao usuário business criar atalhos de envio de mensagens de agradecimento, por exemplo. Dá ainda para criar uma mensagem padrão de ausência. Assim, sempre que algum cliente enviar uma mensagem e você não estiver disponível, ele recebe essa mensagem de aviso.

Uma dica importante é preencher completamente o perfil da sua empresa no app. Apesar de não ser um requisito para que se tenha o aplicativo funcionando, ele funciona como um cartão de visitas digital do seu negócio. É essencial para aquele cliente que acabou de chegar e vai fazer o primeiro contato.

Ao preencher o perfil, dá para adicionar informações como endereço, site oficial, área de atuação, horário de trabalho e e-mail. Ter acesso a todas essas informações num só lugar e na palma da mão, pode alavancar a relação entre o negócio e o consumidor direto.

Existe ainda a aba “estatísticas”. Nela, o gestor que utiliza as ferramentas do WhatsApp Business pode obter informações sobre o fluxo de mensagens recebidas e as atividades de forma. Esses dados podem, então, ser analisados para elucidar a demanda e a atividade da empresa por meio do canal de mensagens on-line.

Uma das maiores vantagens da versão Business sobre a versão social é a opção de criar etiquetas. Assim como nos e-mails, é possível personalizá-las e agrupar contatos em conversas com categorias, como: pago, pendente, etc.

Influência no crescimento do negócio

Com todas essas vantagens, a aplicação pode ser uma poderosa aliada das empresas e dos seus gestores. Do ponto de vista do cliente, a possibilidade de falar diretamente com um porta-voz da marca é sempre um diferencial. Vale lembrar que um dos fatores mais relevantes nas avaliações de usuários é o atendimento.

Assim, criar um canal direto com consumidores pode tanto aumentar a confiabilidade da empresa quanto ajudar o pequeno empresário a gerir esse fluxo comunicativo. Além do mais, através das métricas disponíveis e das categorizações possíveis dentro do aplicativo, ele próprio gere sua atividade.

Estratégias de mercado devem acompanhar os avanços do próprio capital. Sendo sabido que o consumidor contemporâneo está na plataforma, se sente confortável, e até prefere essa comunicação via dispositivos móveis, é aí, então, que a empresa deve atuar.

A dica final é que dá, ainda, para usar o telefone fixo da sua empresa para a utilização do WhatsApp Business. Para que isso aconteça, basta selecionar que deseja receber o código de confirmação por ligação na configuração inicial do aplicativo.

PUBLICIDADE


Patrocinador
Loading...
PUBLICIDADE
Ilustração (Foto: Divulgação)

Como a volta às aulas movimenta o mercado varejista?

(Foto: © Galeria Zíper)

ONU diz que desalojados enfrentam rigorosas condições na Síria