em

Quais os benefícios dos exercícios físicos durante a pandemia?

Entenda um pouco mais sobre os cuidados com a nossa saúde durante a pandemia

(Imagem ilustrativa/Freepik)

Todos nós estamos vivendo uma pandemia com todas as suas consequências físicas, mentais e sociais, sendo infelizmente privados de nossa rotina anterior.

Devido a isso aprendemos a adaptar as nossas vidas para se manter seguros e saudáveis, porém ao seguir os protocolos de prevenção ao coronavírus nos mantemos isolados e acabamos negligenciando alguns cuidados fundamentais, como a prática de exercícios físicos.

Vamos mostrar nesse artigo como os exercícios físicos podem contribuir para a sua saúde neste período de pandemia, e como isso pode ser considerado uma estratégia de prevenção ao coronavírus.

Porque os benefícios dos exercícios físicos durante a pandemia vão muito além de se manter em movimento, envolve a saúde física e mental que repercutem diretamente em nosso sistema imunológico.

Veja!

(Imagem ilustrativa/Freepik)
(Imagem ilustrativa/Freepik)

Efeitos dos exercícios físicos na pandemia a curto e longo prazo

O sistema imunológico é o responsável por proteger o nosso organismo contra infecções provenientes da exposição a vírus, bactérias e tantos outros micróbios que não estão sob nosso controle.

Mas temos a opção de fortalecê-lo com a prática de exercícios físicos, garantindo ao nosso corpo a capacidade de reagir contra uma possível infecção.

Precisamos entender que o ato de se exercitar gera estímulos cerebrais ligados ao sistema imunológico, ou seja, impactam na capacidade de resposta ao ataque de um vírus transmissor, seja o coronavírus ou qualquer outro.

Durante a execução dos exercícios nosso organismo libera a endorfina, hormônio  que além de possuir ação analgésica, gera a sensação de prazer e bem-estar, benefício que se adquire com a prática das atividades físicas constantes.

Além do benefício estético há outros ganhos essenciais para a manutenção da saúde que são importantes nesse período de pandemia, como o aumento da auto estima, melhora na concentração e humor, redução de insônia, qualidade de vida, etc.

O sedentarismo diminui a nossa imunidade mas também possui outros efeitos negativos que podem ser agravados como descontrole do diabetes, doenças cardíacas, obesidade, doenças crônicas como o câncer entre outros.

Com o sistema imune enfraquecido ganhamos predisposição a se infectar com mais facilidade, por consequência, nosso organismo não consegue reagir quando afetado, por isso toda ajuda é válida para fortificá-lo.

Entenda um pouco mais sobre os cuidados com a nossa saúde durante a pandemia.

Como se dá a prática de exercícios na pandemia?

Sabemos que há restrições sobre frequentar academias durante esse período de pandemia, mas isso não é desculpa para não se mexer.

É possível realizar pequenas adaptações que farão muita diferença para sua saúde.

O importante é se movimentar, independente do local há várias modalidades de exercícios que se ajustam a qualquer espaço.

Veja o que a OMS (Organização Mundial de Saúde) recomenda em relação à prática de exercícios físicos durante a pandemia mas também ao longo da vida:

As novas diretrizes recomendam pelo menos 150 a 300 minutos de atividade aeróbica moderada a vigorosa por semana para todos os adultos, incluindo quem vive com doenças crônicas ou incapacidade, e uma média de 60 minutos por dia para crianças e adolescentes.”

Sendo assim, precisamos repensar nossa maneira de se cuidar, porque praticar exercícios físicos é autocuidado e é extremamente necessário nesse período de pandemia que estamos enfrentando.

As atividades aeróbicas como a caminhada ou corrida são ótimas opções para acelerar nossa frequência cardíaca, ganhar resistência física e mental, controlar doenças e relaxar da rotina.

Já os exercícios mais intensos como a musculação ou crossfit são fundamentais para o ganho de força muscular e aqui vale uma dica valiosa para quando for praticar essas modalidades, utilizar luvas protetoras para suas mãos não serem machucadas ou formarem calos.

Exercícios que podem ser feitos em casa durante o isolamento social

  • Dança
  • Jump
  • Pular cordas
  • Abdominal Supra
  • Corrida parada
  • Agachamento
  • Yoga

Independente da modalidade escolhida, é necessário se animar e se mexer, para que seu corpo e sua mente tenham capacidade de proteger sua saúde durante esse período de pandemia, mas também a longo prazo, pois os benefícios da atividade física durante a pandemia são duradouros.

É compreensível sofrermos com ansiedade, depressão e estresse, todos esses sintomas são ainda mais acentuados durante esse período de crise que estamos presenciando.

Mas, precisamos reagir a essa nova realidade, dando suporte para o organismo trabalhar a nosso favor.

Vale a pena investir um tempinho diário para ajudar o seu organismo a se defender e se fortalecer contra o coronavírus e contra qualquer outra doença.

É importante relembrar os cuidados básicos de prevenção ao coronavírus caso você decida por exercícios ao ar livre ou na academia, use sempre álcool gel nas mãos, lave as mãos com maior frequência e sempre use máscara facial.

Tomando todos os cuidados necessários às atividades físicas se tornam seguras.

Se movimente, pois, os benefícios dos exercícios físicos durante a pandemia irão durar por muito tempo.

Conteúdo Premium ★

Colaboração especial para o Folha Geral

(Foto: Sesab)

Bahia registra 4.620 novos casos de Covid-19 e mais 90 óbitos pela doença

(Foto: Sesab)

Bahia registra 2.531 novos casos de Covid-19 e mais 97 óbitos pela doença