em de

Projeto Caetanear une teatro, cinema, dança, música e performance a partir da obra de Caetano Veloso

Caetano Veloso
Caetano Veloso
Caetano Veloso. Foto: Divulgação

Um potente território criativo artístico tendo como matriz a obra poético-musical de Caetano Veloso será desenvolvido em Salvador entre janeiro e abril de 2019. Trata-se do projeto Caetanear, composto por uma série de ações artísticas: quatro oficinas (teatro, dança, música e audiovisual), três palestras, mostra de filmes, performances, festa, ensaios abertos e show. Encerrando o projeto, em abril serão realizadas 10 apresentações do espetáculo Velôsidade Máxima 4.

A nova versão do espetáculo Velôsidade Máxima será desenvolvida ao longo do projeto, e contará com uma co-produção Brasil – Espanha, envolvendo criadores dos dois países. Os atores–dançarinos Clara Garcia (ES), Claudio Machado (BR) e Fabio Vidal (BR) juntam-se aos cineastas performers Edson Bastos (BR) e Henrique Filho (BR) em colaboração com o cineasta espanhol Alexis Borràs (ES) formarão o núcleo de desenvolvimento dessa nova encenação. Junto ao espetáculo serão realizadas ações de mediação de plateia com escolas da rede pública e ações de acessibilidade com a interpretação em LIBRAS.

O projeto é resultado de um processo de pesquisa, que envolve criação e experimentação de diversas formas expressivas cênico-cinematográficas, a partir do legado de Caetano Veloso nos seus mais de 50 anos de atividade artística. Toda a obra e história de vida de um dos mais importantes poetas, filósofos, músicos e escritores brasileiros irá servir de inspiração para mais de 100 artistas envolvidos em Caetanear.

O lançamento do projeto ocorre no dia 8 de janeiro, às 19h, na Casa Rosada (Barris), com o início do ciclo de palestras “Outras Palavras” que ocorrerão mensalmente. O ciclo reunirá estudiosos e literatos para tratar de temas como o Movimento Tropicalista, aproximações entre Gregório de Mattos e Caetano Veloso e a biografia de Caetano. Nesta edição de abertura o pesquisador Marlon Marcos fala sobre “Biografia Caetano, de 1942 até os dias de hoje” seguido do show “Cantando Veloso – Voz e Violão”, com Sandra Simões e Mauricio Azevedo.

Em janeiro e fevereiro serão realizadas oficinas gratuitas em diferentes linguagens: “Velô em solos – Teatro Físico e processo criativo” com Fabio Vidal, “Cinema Transcendental” com Edson Bastos e Henrique Filho, “Território Instável – Corpo em Trânsito” com Clara Garcia Espada e “Insubversos – Cena em Transa” com Claudio Machado e Jarbas Bittencourt. Maiores informações e inscrição através do site www.territoriosirius.com.br/oficinas.

O projeto promoverá ainda no dia 23 de fevereiro a festa-sarau Usina Veloso, um território de encontro de todas as produções artísticas desenvolvidas nas oficinas e com participação de artistas convidados. Local e programação serão divulgados em breve.

Após o Carnaval, em abril, será iniciada a segunda fase do processo que culminará com a realização de dez apresentações do espetáculo Velôsidade Máxima 4.

Caetanear é um projeto desenvolvido pela sinergia e união do Território Sirius Teatro, União Instável, Voo Audiovisual, Digital Film e Multi Planejamento Cultural. O projeto foi contemplado no Edital Gregórios, da Fundação Gregório de Mattos e Prefeitura Municipal de Salvador e no programa Iberescena 2019 – Apoio à Coprodução de Espetáculos Iberoamericanos de Artes Cênicas.

Mais informações no site www.territoriosirius.com.br.

PROGRAMAÇÃO

Outras Palavras com Marlon Marcos
Um passeio na biografia de Caetano Veloso de 1942 até hoje
Data: 8 de janeiro
Horário: 19h
Local: Casa Rosada (Tv. dos Barris, 30 – Barris)

Oficinas

Período: janeiro e fevereiro de 2019
Formulário de inscrição: http://bit.ly/caetanear
Local: Galpão Wilson Melo (R. Mal. Gabriel Botafogo, s/n – Barbalho)

Teatro

Vêlo em solos – Teatro Físico e processo criativo
Facilitador: Fábio Vidal
Datas: 14 a 25/01 (segundas, quartas e sextas)
Horário: 19h às 22h
*A oficina terá ainda encontros individuais de orientação agendados em fevereiro com os participantes.

Audiovisual

Cinema Transcendental
Facilitadores: Edson Bastos e Henrique Filho
Datas: 21/01 a 01/02 (segunda à sexta)
Horário: 14h às 18h

Dança
Território Instável – Corpo em Trânsito
Facilitadora: Clara Garcia Espada
Datas: 28/01 a 8/02 (segunda à sexta)
Horário: 19h às 22h
*A oficina terá ainda desenvolvimento e apresentação de performances agendadas em fevereiro com os participantes.

Música e teatro

Insubversos – Cena em Transa
Facilitadores: Claudio Machado e Jarbas Bittencourt
Datas: 11 a 22/02 (segunda à sexta)
Horário: 19h às 22h
*A oficina terá ainda desenvolvimento e apresentação de performances agendadas em fevereiro com os participantes.

Da Redação*

*Com colaboração de (jornalista, agência, assessoria ou especialista)

Deixe sua opinião

Wendy Tavares

Wendy Tavares brilha no ensaio da Mocidade Unida da Mooca

Suzi Sassaki

Suzi Sassaki posa de lingerie na neve e surpreende seguidores