em de

Ações da Embasa elevam cobertura de esgotamento sanitário para 70% em Barreiras

Barreiras - Bahia. Foto: Divulgação
Estacão de tratamento de esgoto Barreiras
Estacão de tratamento de esgoto Barreiras. Foto: Divulgação

As ações da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) para expandir o atendimento do serviço de esgotamento sanitário em Barreiras, no oeste da Bahia, elevou a cobertura para 71,7% dos imóveis atendidos na sede municipal nos últimos cinco anos. A ampliação gradual da rede coletora de esgoto conseguiu garantir que, atualmente, 39.137 mil domicílios tenham acesso a coleta e tratamento de suas águas servidas.

Obra de adensamento esgotamento sanitário em Barreiras
Obra de adensamento esgotamento sanitário em Barreiras. Foto: Divulgação

O sistema de esgotamento sanitário (SES) de Barreiras passou por uma ampliação significativa entregue no final de 2016 cujo investimento foi de R$ 113,3 milhões. Desde então, a Embasa foi instalando mais acessos à rede coletora para os imóveis de áreas da cidade que não tinham sido contempladas na ampliação de 2016. Só nos últimos três anos, a empresa investiu R$ 13,9 milhões e beneficiou mais 15 mil domicílios.

O gerente regional da Embasa, Francisco Andrade, explica que todo o esgoto coletado em Barreiras é transportado para uma estação de tratamento localizada na BR-135, na saída para o Piauí, para que o efluente tratado possa ir para o rio Grande sem poluir suas águas, de acordo com a legislação ambiental. “Em muitos locais, ainda existe esgoto correndo a céu aberto, mesmo nos bairros onde já existe rede disponível e o morador pode e deve ligar a rede interna de seu imóvel à rede pública. Muitos imóveis continuam jogando esgoto na rua ou na rede de água de chuva, prejudicando aqueles que estão fazendo a sua parte”, afirma Andrade.

A Embasa reforça que, de acordo com a lei estadual 7.307/98, o decreto estadual 7.765/00 e a Resolução 002/2017 da Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento Básico do Estado da Bahia (Agersa), o proprietário ou morador é obrigado a fazer a ligação do imóvel à rede de esgoto quando disponibilizada. Embora não tenha poder de autuar e fiscalizar, a Embasa vem trabalhando em parceria com o órgão ambiental municipal para atuar em casos graves em que imóveis continuam despejando esgoto diretamente na rua nos locais onde existe a rede de esgotamento sanitário implantada. Para saber se a rede está disponível, o usuário pode se dirigir à loja de atendimento ou entrar em contato no teleatendimento pelo 0800 0555 195.


Comunicar erro





Publicidade

Teste grátis por 14 dias. Se você gostar, assine utilizando o cupom: V7XEW4HLYGAYUHT e ganhe 20% de desconto durante 1 ano. Saiba mais em: Conheça o G Suite



Loading...


Da Folha Geral, em Salvador*

*Com colaboração de (agência, assessoria ou especialista)




lâmpada, ideia, luz, light-bulb-2010022_1280

Como aproveitar o seu tempo de férias sem viajar?

Foto: Reprodução/UOL

Justiça seletiva e partidária!