em

Entidades do Agro promovem Fórum Regional de Combate à Ferrugem Asiática da Soja

Com o objetivo de conscientizar acerca da gravidade da doença e discutir com a classe agrícola as boas práticas de manejo para o efetivo controle da ferrugem asiática, as entidades do agro promovem na próxima segunda-feira, 03, em Luís Eduardo Magalhães, o Fórum Regional de Combate à Ferrugem Asiática. O evento é uma realização da Associação dos Agricultores e Irrigantes da Bahia (AIBA), Associação Baiana dos Produtores de Algodão (ABAPA), Fundação de Apoio à Pesquisa e Desenvolvimento do Oeste Baiano (Fundação BA), Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães (SPRLEM) e Sindicato dos Produtores Rurais de Barreiras (SPRB).

Conforme explica a presidente do SPRLEM, Carminha Missio, o vazio sanitário tem se mostrado um dos métodos mais eficazes no combate à ferrugem asiática da soja. “Para assegurar e aumentar a nossa produtividade, diminuindo a possibilidade de prejuízos econômicos em nossas lavouras, o produtor rural deve adotar determinados manejos e tecnologias, conforme recomendações agronômicas e científicas, como por exemplo, o vazio sanitário. O fórum tem o objetivo de não apenas conscientizar, mas juntamente com os produtores rurais, avaliar o período mais adequado para o vazio sanitário em nossa região. Acreditamos que, unindo a competência das entidades do agro, o conhecimento científico de pesquisadores e engenheiros agrônomos e o talento do produtor rural no cultivo da terra, conseguiremos absorver o máximo de informação e segurança para a tomada de decisão desta importante questão”, disse. As palestras serão ministradas pelo doutor em Fitopatologia, Carlos Forcelini, e pelo pesquisador da Embrapa Soja, Maurício Conrado Meyer.

Ainda de acordo com a presidente, a realização do fórum é resultado do comprometimento das entidades da região com o controle fitossanitário de combate à ferrugem asiática da soja, mas é necessário contar com a presença e participação efetiva do produtor rural, para que se possa chegar a uma decisão que beneficie toda a classe agrícola. “Este fórum será uma excelente oportunidade para os produtores rurais absorverem informações e esclarecerem suas dúvidas. Pedimos ao produtor rural que participe, mas que também convide o seu vizinho a participar, pois a questão fitossanitária vegetal impacta diretamente em nossa produção”, conclui. O evento é gratuito e acontece das 09h às 12h, no auditório do Senar, no Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães.

Fórum Regional de Combate a Ferrugem Asiática
Foto: Divulgação


Comunicar erro



Publicidade Publicidade

Conheça o G Suite



Da Folha Geral, em Salvador*

*Com colaboração de (agência, assessoria ou especialista)

CACCST

Famosos participarão de mais uma edição do Arraiá Solidário da CACCST no Rio

TVE na NET

NET lança TVE em HD