em

Delivery sustentável: entenda a importância das embalagens

Cuidado com o meio ambiente é um fator levado em consideração por muitos clientes

(Imagem ilustrativa/Freepik)

Com o crescimento de pedidos por delivery, principalmente por conta das medidas de quarentena, situação em que as pessoas estão passando mais tempo em casa, fica ainda mais clara a importância de pensar no meio ambiente em todas as escolhas do dia a dia. A quantidade de plástico e papel usada para embalar os produtos, gerando uma considerável quantidade de lixo na entrega de uma única encomenda, tem levantado debates acerca da importância da sustentabilidade mesmo em áreas como o delivery.

De acordo com análise feita pelo AppsFlyer, o Brasil registrou uma média de aumento de 25% na instalação de aplicativos de delivery durante a quarentena. O estudo foi realizado pela comparação entre as semanas do dia 25 de abril e 2 de fevereiro de 2020. São Paulo e Rio de Janeiro foram as cidades que apresentaram o maior crescimento na porcentagem de instalação, mostrando como esse tipo de serviço tem sido cada vez mais utilizado pela população.

(Imagem ilustrativa/Freepik)
(Imagem ilustrativa/Freepik)

Assim, é essencial refletir sobre o impacto do delivery no meio ambiente, já que isso também pode impactar a opinião dos clientes. Segundo a empresa de informação Nielsen, os consumidores estão dando preferência para marcas que se preocupem com o meio ambiente e sejam claras acerca de seus valores relacionados à sustentabilidade. Essa questão, inclusive, pode ser decisiva para o público na hora de realizar o pedido, principalmente por conta do crescimento de movimentos em defesa do meio ambiente. A produção de lixo desse tipo no Brasil é expressiva: segundo o Ministério do Meio Ambiente, 80% das embalagens dos produtos são descartados após um único uso. O impacto de toda essa produção só será diminuído à medida em que as empresas colaborem e se mostrem comprometidas com o assunto.

Apesar dos custos, pode ser interessante para os restaurantes investir em embalagens que não sejam agressivas para o meio ambiente. Com a evolução dos materiais biodegradáveis, é possível encontrar boas opções que façam valer o valor que será redirecionado para isso, permitindo o uso de embalagens biodegradáveis e evitando o uso de isopor e outros materiais que demoram mais tempo para se decompor. Outra forma de colaborar com o meio ambiente, além do material e tipo das embalagens em si, é não incluir kit de guardanapos, canudinhos e condimentos nos pedidos, a não ser que o cliente peça. Assim, há uma diminuição no uso de plástico e papel necessários para montar cada pedido, além de evitar o desperdício. É importante deixar claro para o consumidor quais são as medidas tomadas em prol de reduzir a produção de lixo, evitando confusões na comunicação entre restaurante e público. O consumidor, além de realizar o pedido em restaurantes comprometidos com a sustentabilidade, também deve fazer a sua parte, lembrando de separar o lixo – inclusive, as embalagens – corretamente para reciclagem.

Da Redação, com colaboração*

Envie seu conteúdo para análise editorial: redacao@folhageral.com.br
Conheça as condições em https://www1.folhageral.com/termos-e-condicoes

(Imagem: Folha Geral/Divulgação)

Bahia registra 2.783 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

(Foto: Romildo Jesus)

Bahia tem mais quatro cidades com transporte suspenso; total chega a 378