em

Abrapa avança em acordo para promover o algodão brasileiro na Ásia

Reunião abrapa na apex sobre mercado internacional de algodão. Foto: Divulgação

Os cotonicultores brasileiros, por meio da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa), avançaram no fechamento do acordo de cooperação técnica com o governo brasileiro para incrementar o comércio do algodão junto aos países da Ásia. O vice-presidente da entidade, Júlio Cézar Busato, esteve reunido nesta segunda-feira (2) com o embaixador do Ministério das Relações Exteriores (MRE), Augusto Pestana, e com o diretor de negócios da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex), para finalizar a estratégia que prevê a instalação de um escritório permanente para promover a pluma brasileira no mercado asiático.

Este encontro, segundo Busato, alinha as ações e estratégias conjuntas para a instalação deste escritório, em uma parceria entre a Abrapa, Apex/MRE e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). “É o nosso principal mercado internacional, com 81% das exportações brasileiras. Este ano tivemos um novo recorde de produção de algodão com 2,8 milhões de toneladas de pluma produzidas. Por isto, é fundamental este relacionamento constante com o nosso principal mercado consumidor, sendo o escritório, uma parte fundamental para aumentar as exportações da fibra brasileira para o exterior” afirma.

Reunião abrapa na apex sobre mercado internacional de algodão. Foto: Divulgação
Reunião abrapa na apex sobre mercado internacional de algodão. Foto: Divulgação

O diretor executivo da Abrapa, Marcio Portocarrero, e o diretor de relações internacionais da entidade, Marcelo Duarte, também participaram do encontro. Em agosto deste ano, em um jantar durante o encerramento da Missão Compradores 2019, que anualmente traz ao Brasil representantes da indústria têxtil internacionais, a Abrapa entregou à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e ao representante do MRE, o projeto de abertura do escritório permanente da Abrapa, em Singapura. O Brasil é considerado o segundo maior exportador de algodão do mundo, ao negociar um total de 2,1 milhões na safra 2018/2019, ocupando o posto que era da Índia.



Patrocinador
Loading...

Da Redação

Conteúdo produzido pela Redação Folha Geral. Conheça a história da Folha Geral em https://www1.folhageral.com

*Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Antes de comentar, leia os Termos e Condições de Uso.

Deixe sua opinião

Modelo veste: Macacão: Precoce e Tênis: Converse. Foto: Vinicius Hawk / Grupo YBrasil

Editorial chama atenção para o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência

Ilustração. Foto: Arquivo/Folha Geral

Chegou Dia 05 de dezembro