em

Abapa leva capacitação sobre o pivôs centrais para profissionais de Correntina e Luís Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia

Foto: Divulgação/Abapa
Abapa leva capacitação sobre o pivôs centrais para profissionais de Correntina e Luís Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia. Foto: Divulgação/Abapa
Foto: Divulgação/Abapa

Focado na expansão de treinamentos voltados para todo o setor agrícola, a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) promoveu na última semana, nos dias 6 e 7 de novembro, o Curso de Operação e Manutenção de Pivôs Centrais, com turmas em Luís Eduardo Magalhães e no distrito do Rosário, em Correntina. Com carga horária de 8 horas/aula, dentre abordagem teórica e prática, a atividade foi realizada pelo Centro de Treinamento da Abapa – Parceiros da Tecnologia (CT), em parceria com a Pivodrip, representante Valley, que atua há 20 anos no mercado.

Para um dos participantes do curso, Marcos José Porazzi, a capacitação é importante para a maior profissionalização de quem trabalha na área. “Conhecer o pivô, da forma que foi apresentada no curso, com tantos detalhes desde a montagem até a operação, é imprescindível. O maior conhecimento na operação ajuda a diminuir o número de panes e maior produtividade do equipamento no campo”, refletiu. Na parte teórica, foram levadas informações relacionadas ao sistema de tração, sulcos de rodas, alinhamento, partes móveis, aspersores, junta universal e conexões elétricas.  

Abapa leva capacitação sobre o pivôs centrais para profissionais de Correntina e Luís Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia. Foto: Divulgação/Abapa
Foto: Divulgação/Abapa

Na parte prática, no campo, os participantes aprenderam sobre o funcionamento da central de comando, tubulação, aspersores, mangueiras, cabos elétricos e tecnologias que permitem a operação dos pivôs remotamente.  “Esta é a oportunidade de capacitar aqueles que estão começando, e atualizar o conhecimento daqueles que já trabalham com estes equipamentos. A oportunidade da Abapa em trazer um curso desta qualidade ajuda a reduzir custos para as fazendas e empresas da região que deveriam custear a atividade em outras regiões”, afirma o técnico especialista em pivôs e responsável por ministrar o curso, Vinícius Pereira da Silva.

“Hoje o Centro de Treinamento da Abapa é atualmente a maior referência em treinamentos e capacitações para os profissionais do setor agrícola do Oeste da Bahia. Este ano ampliamos a estrutura do CT que possui um novo e moderno complexo com laboratórios e auditórios, além de estabelecer novas parcerias para novos cursos  para o setor agrícola”, afirma o presidente da Abapa, Júlio Cézar Busato.  Com sede em Luís Eduardo Magalhães, o Centro deverá qualificar até o final deste ano cerca de 14 mil pessoas com a participação em mais de 490 atividades. O CT disponibiliza a melhor infraestrutura para cursos presenciais em diversas áreas, como, Mecanização Agrícola, Transporte Rodoviário, Movimentação de Cargas, Irrigação, Aviação Agrícola, Educação Continuada, Jurídica, Contábil, dentre outros. 

Abapa leva capacitação sobre o pivôs centrais para profissionais de Correntina e Luís Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia. Foto: Divulgação/Abapa
Foto: Divulgação/Abapa


Patrocinador
Loading...
Flagrante ocorreu em ação conjunta entre as Rondesps Central e Atlântico, a 20º CIPM e a 3ª Coorpin. Foto: Divulgação SSP

Líder do tráfico em Mussurunga e Amélia Rodrigues encontrado

Foto: Divulgação

Você sabe decifrar os símbolos das etiquetas das roupas?