em ,

Renata Spallicci é a nova Musa de Bateria da Acadêmicos do Tatuapé

Renata Spallicci. Foto: JDomingos / MF Press Global
Renata Spallicci é a nova Musa de Bateria da Acadêmicos do Tatuapé
Renata Spallicci. Foto: JDomingos / MF Press Global

Neste sábado, na quadra da acadêmicos do Tatuapé, na zona leste paulista, aconteceu a apresentação da mais nova musa da agremiação, a diva fitness Renata Spallicci

Estreante na avenida, Renata preparou-se ao longo de meses com aulas de samba para fazer jus a honraria do convite, de representar a escola, que é bicampeã do carnaval paulista: “É a primeira vez que me envolvo com o carnaval dessa forma , e será minha estreia na avenida. Foi mega emocionante a energia da comunidade e a forma como fui recebida. Nunca tinha sentido a emoção da bateria tão de perto. Recebi com muita emoção minha faixa e flores. É especial”, ressalta.

Durante a apresentação, a diva fitness demonstrou toda a emoção com samba no pé e também com palavras: “Tive a oportunidade de fazer um breve discurso de agradecimento, e na sequência desci com a Rainha, que foi uma linda, extremamente gentil e atenciosa, para frente da bateria. Um momento inesquecível”.

Renata sente-se honrada e pronta para o desafio, e é toda gratidão à agremiação que a concedeu tal honra: “Sou muito grata. O presidente Eduardo é um amor de pessoa, a diretoria também. Esta experiência única vai ficar marcada no meu coração. Mal posso esperar pela Minha estreia na avenida. Estarei em vários ensaios com a Escola, e já pensando nos próximos carnavais”, conclui Renata.

Renata Spallicci é a nova Musa de Bateria da Acadêmicos do Tatuapé
Renata Spallicci. Foto: JDomingos / MF Press Global

Renata Spallicci é a nova Musa de Bateria da Acadêmicos do Tatuapé
Renata Spallicci. Foto: JDomingos / MF Press Global


Comunicar erro





Loading...


Da Folha Geral, em Salvador*

*Com colaboração de (agência, assessoria ou especialista)

Leia Lee (traje típico)

Musa do Amazonas surpreende com desfile típico no ‘Musa do Brasil 2018’

Sistemas de abastecimento vão levar água para 3,4 mil pessoas no semiárido baiano

Sistemas de abastecimento vão levar água para 3,4 mil pessoas no semiárido baiano