em

Viajar de ônibus sozinha é possível? Confira as melhores dicas de segurança

Ilustração. Foto: Pixabay

Casos de violência contra a mulher no Brasil continuam crescendo, mas muitas mulheres não hesitam em fazer atividades sozinhas, como, por exemplo, viajar de ônibus.

Segundo dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), em 2017, mais de 1,5 milhão de mulheres foram violentadas fisicamente no Brasil. No mesmo período, mais de 22 milhões de mulheres sofreram algum tipo de assédio moral e/ou físico.

Recentemente, o jornal Folha de São Paulo divulgou um levantamento indicando que uma mulher é agredida a cada quatro minutos no país e, geralmente, o agressor está dentro de casa. Os dados são alarmantes, mas a contrapartida é que as mulheres estão cada vez mais dispostas a denunciar os casos de violência que sofrem e a romper com o ciclo de agressões.

Diante desse cenário, muitas mulheres evitam algumas atividades de lazer, como, por exemplo, sair ou voltar sozinha para casa. Viagens também são evitadas quando se está desacompanhada. No entanto, há algumas mulheres que tentam romper com essas limitações.

Muitas mulheres criam, inclusive, canais no Youtube e páginas nas redes sociais para mostrar dicas de empoderamento e soluções práticas para burlar o machismo e o sexismo da sociedade brasileira. Pegar um ônibus Util e curtir um fim de semana no Rio de Janeiro sozinha? É possível, mas são necessários alguns cuidados básicos com a segurança.

Cuidados básicos na hora de viajar sozinha de ônibus

Viajar sozinha de ônibus pode ser uma aventura empoderadora, mas é de extrema importância que as mulheres que queiram experimentar esses momentos de liberdade tenham alguns rituais básicos para garantir a própria segurança.

Escolha dos assentos

Um dos primeiros passos para garantir uma viagem segura é saber escolher os assentos para realizar o percurso. Mulheres que costumam viajar sozinhas de ônibus recomendam que sejam escolhidos os assentos mais próximos ao motorista ou, se não for possível, pelo menos até a metade do ônibus.

Por estar mais perto do condutor do veículo, é mais fácil pedir ajuda caso alguma situação mais crítica aconteça. Além disso, geralmente esses assentos ficam mais cheios, e as pessoas tendem a comprar as passagens perto do motorista. Portanto, se algum imprevisto acontecer, há mais testemunhas e as chances de obter amparo são maiores.

Não quer homem por perto? Compre o assento de número 23

Algumas mulheres se sentem mais seguras de viajar ao lado de mulheres e, por isso, recomenda-se que a viajante que está sozinha escolha a poltrona de número 23, isso porque há uma probabilidade menor de homens escolherem a poltrona de número 24 para sentar.

Embora pareça uma coisa improvável, muitas mulheres relatam que fizeram isso e nenhum homem sentou ao seu lado.

Escolha dos horários de viagem

Outro detalhe ao qual as mulheres devem se atentar é com relação ao horário da viagem. É mais interessante, do ponto de vista da segurança, fazer as viagens no período da tarde, isso porque, com o dia claro, as mulheres tendem a se sentir mais seguras nos ônibus, o que também pode inibir possíveis agressores.

Se não for possível, é recomendado que as mulheres escolham, então, chegar no lugar de destino no período da manhã ou à tarde. Com isso, elas podem ter mais segurança para se deslocar nas cidades que estão visitando.

Atenção redobrada nas paradas

A depender da distância a ser percorrida, os ônibus fazem algumas paradas ao longo do trajeto. Se a viagem for de noite, é muito importante que as mulheres tenham ainda mais cuidado com os pontos de parada.

Nesse caso, vale a pena, por exemplo, observar bem as pessoas que estão ao redor e tentar guardar a fisionomia delas. Assim, em caso de algum estranho entrar no ônibus, é possível reconhecê-lo e acionar, imediatamente, o motorista e/ou a segurança do posto.

Antes de descer, também é altamente recomendado que as mulheres verifiquem se há iluminação boa e suficiente e se o lugar parece seguro. Se achar que o lugar está muito esquisito, é melhor esperar pela próxima parada ou, então, utilizar o banheiro do próprio ônibus.

Algumas empresas oferecem assento exclusivo para mulheres

Sensíveis às preocupações das mulheres que viajam sozinhas, algumas empresas de ônibus já começam a oferecer transporte exclusivo para aquelas que viajam sozinhas. Por isso, se a mulher estiver muito ressabiada de viajar sozinha, vale a pena verificar junto à empresa se há essa possibilidade. 



Patrocinador
Loading...
Foto: Divulgação/PRF-BA

PRFs impedem jovem de cometer suicídio na cabeceira de ponte metálica na divisa BA/AL

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Trabalhadores já podem optar pelo Saque-Aniversário do FGTS