em de

Justiça seletiva e partidária!

Com uma justiça vergonhosa, seletiva e partidária, o Brasil só perde…

Foto: Reprodução/UOL
Foto: Reprodução/UOL

Depois do “Golpe de Estado” em 31 de agosto de 2016 que resultou na cassação do mandato da presidenta Dilma Rousseff, colocando o Michel Temer para usurpar seu cargo. Veio a prisão de Lula motivada por perseguição política e judicial sem cabimentos se levar em consideração a falta de provas e outros casos parecidos e de políticos apadrinhados pelo judiciário que são intocáveis. Àqueles que estão ‘acima da lei’. Mais adiante, uma eleição vergonhosa cujo um candidato subiu ao trono com base em ‘fake news’, sem ao menos ter participado de debates, sem ter qualificações suficientes para se tornar um Presidente da República. Mais tarde foi descoberto que o filho desse presidente tinha um suposto motorista laranja e o santo Moro, (santo com as pernas de barro) não quis se manifestar sobre o caso porque agora é Ministro da Justiça devido ao seu desempenho na perseguição contra o Lula, fazendo se concretizar o golpe.

Quando o Ministério Público do Rio de Janeiro finalmente passou a investigar o caso, o Fabrício Queiroz faltou duas vezes aos depoimentos e não foi preso. Agora vem o STF (Supremo Tribunal Federal), suspender a investigação sobre Queiroz, a pedido de Flávio Bolsonaro, três dias após o procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro, Eduardo Gussem, dizer que Queiroz poderia ser denunciado mesmo sem depor no inquérito.

Que palhaçada é essa? Que justiça é essa? O judiciário está se tornando inimigo da democracia e continua protegendo corruptos.

 

(*Este conteúdo é de inteira responsabilidade de seu autor e não reflete a opinião da Folha Geral que segue imparcial)

PUBLICIDADE

Publicidade

Teste grátis por 14 dias. Se você gostar, assine utilizando o cupom: LC3JQAWPE3XK74E e ganhe 20% de desconto durante 1 ano. Saiba mais em: Conheça o G Suite



Loading...

Adamy Gianinni

Jornalista, blogueiro, fotógrafo, universitário, flamenguista de ❤ e escritor iniciante.

PUBLICIDADE
Barreiras - Bahia. Foto: Divulgação

Ações da Embasa elevam cobertura de esgotamento sanitário para 70% em Barreiras

hacker, personal-data-3914809_1280

O que é e como se prevenir do SQL Injection