Foto: Divulgação/Folha Geral
em de

Câmara de Vereadores de Tabocas do Brejo Velho aprova extinção da Guarda Municipal

Com o placar de 5 votos a 3, a Câmara autorizou o executivo extinguir a GM e realocar os servidores para porta de escola

Câmara de Vereadores de Tabocas do Brejo Velho aprova extinção da Guarda Municipal
Foto: Divulgação/Folha Geral

A Câmara Municipal de Tabocas do Brejo Velho, Oeste da Bahia, aprovou na última sexta-feira (25), o Decreto Municipal nº 110/2018 que extingue a Guarda Municipal.

Com o placar de 5 votos a 3, a Câmara autorizou o executivo extinguir a GM e realocar os servidores para porta de escola

A iniciativa do executivo foi motivada devido ao ocorrido no mês de março, quando integrantes da GM agrediram um jovem em sua própria residência. O prefeito Humberto Pereira da Silva (PR) entendeu que para punir os três integrantes da guarnição precisaria extinguir o órgão por meio de decreto, uma prática que é inconstitucional pelo fato do prefeito não ter autoridade para tal decisão sem aprovação do legislativo.

O executivo acabou com a guarda e só depois enviou o projeto para aprovação da Câmara, demonstrando autoridade superior ao legislativo que posteriormente votaria em favor desse desmando, por ter a maioria dos vereadores na sua base.

Veja como votou cada vereador:

Divulgação/Folha Geral

Durante a sessão houve bate-boca e desentendimento entre os vereadores. O vereador Jan (PDT) demonstrou indignação com a decisão do prefeito de acabar com a guarda: “fico triste por essa decisão, porque nós precisamos de segurança. É exatamente o que não tem em nosso município, por isso voto contra. E pelo abuso de poder do executivo não responder os nossos ofícios; esta casa está diminuída porque não é respeitada”. Concluiu

Para algumas pessoas ouvidas pela Folha Geral a decisão do prefeito foi absurda: “Tabocas precisa de mais segurança; tenho medo de ser atropelada na rua pelos delinquentes que empinam moto e abusam do excesso de velocidade; a PM não dá conta disso. Com a GM nas ruas, as coisas estavam mudando, pelo menos os guardas orientavam o trânsito. Lamento profundamente”. Disse uma internauta

Um outro internauta fez um desabafo: “uma cidade que tem dois policiais de plantão por dia não precisa do apoio da GM? Parece que o executivo do município não levou em consideração essas questões e numa decisão unilateral fez o que fez realocando os servidores para portas de escola depois de ter investido dezenas de milhares de reais do dinheiro público em um veículo, treinamento e equipamentos. Até quando teremos decisões tomadas precipitadamente, sem a participação popular?” Finalizou.

Assista ao vídeo

PUBLICIDADE

Publicidade

Teste grátis por 14 dias. Se você gostar, assine utilizando o cupom: LC3JQAWPE3XK74E e ganhe 20% de desconto durante 1 ano. Saiba mais em: Conheça o G Suite



Loading...

Da Redação

Saiba mais sobre a Folha Geral em: https://www1.folhageral.com

PUBLICIDADE
Fórum Canal Rural

Estudo revela que 52,1% do território do oeste baiano têm vegetação nativa preservada

Erick Cesar - Cover Leci Brandão. Foto: Acervo Pessoal

Ator Erick Cesar – Cover da Sambista Leci Brandão é atração da 18ª Feira Cultural LGBT