em

Editor chefe do Jornal Nova Fronteira morre aos 85 anos

Vinícius Azzolin Lena. Foto: Reprodução
Vinícius Azzolin Lena. Foto: Reprodução

O editor-chefe do jornal Nova Fronteira, Vinícius Azzolin Lena, 85 anos, morreu na manhã de hoje, 03 no setor de Unidade de Terapia Intensiva do Hospital do Oeste, em Barreiras, onde estava internado há cerca duas semanas. O corpo será velado no plenário da Câmara Municipal de Barreiras a partir das 18h e o sepultamento acontecerá no Cemitério Jardim da Saude, às 09h de amanhã.

Riograndense de Jaguari, também era cidadão barreirense em título concedido pela Câmara de Vereadores, fato que muito lhe orgulhava. Chegou na Bahia em 1986, dedicando-se no princípio à atividade agropecuária.

Desde 1991, com a morte trágica do filho Victor Emmanuel Lena, assumiu com o filho Eduardo Vencato Lena e a nora Leila Ribeiro, a continuidade do jornal Nova Fronteira.

Vinícius deixa uma lacuna na cultura local, onde era uma referência entre jornalistas, poetas, escritores e amigos. Além de publicações em diversos sites dedicados à literatura, editou os livros Traçando Barreiras (ilustrado por desenhos de Júlio Cézar da Cruz) e Pequenas Histórias. Também era membro fundador e ex-presidente da Academia Barreirense de Letras (ABL).

Formado em Contabilidade na cidade de Santa Maria (RS), alimentava na juventude o sonho de fazer medicina. Estudou inglês, latim, espanhol, francês e italiano. Por dificuldades financeiras abdicou do sonho e retornou às raízes da família de origem italiana em Jaguari, onde se casou aos 28 anos com Sirlei Magdalena Vencato Lena (In Memoriam) e tiveram quatro filhos: Vitor Emanuel Lena (In Memoriam), Marcos Daniel Lena, Eduardo Vencato Lena e Vanessa Vencato Lena. Vinícius deixa oito netos.

Texto de Miriam Hermes

Da Folha Geral, em Salvador*

*Com colaboração de (agência, assessoria ou especialista)

Ex-BBB Cacau Colucci é madrinha do casamento de Simone Sampaio com JP Mantovani

Ex-Panicat Tânia Oliveira e Ex-BBB Cacau Colucci curtem juntas arraiá em SP