em de

MP vai apurar aumento da tarifa do transporte coletivo de Barreiras

O promotor de Justiça Alex Santana Neves, após considerar denúncia da Câmara Municipal de Barreiras e pela Pastoral da Juventude, instaurou inquérito civil para apurar suposta abusividade no aumento da tarifa do transporte coletivo no município. Assinado pelo Antonio Henrique, o decreto com o novo valor da tarifa foi recebido com indignação pela população, o que levou Câmara e Pastoral a recorrer ao Ministério Público da Bahia. “Cumprimento o promotor Alex Neves pela agilidade em acolher as pretensões da sociedade no sentido de apurar a ilegalidade no aumento da tarifa do transporte coletivo de Barreiras, o que demonstra que o Ministério Público esta atento na defesa dos interesses da coletividade”, disse o vereador Tito.
PUBLICIDADE

Publicidade

Teste grátis por 14 dias. Se você gostar, assine utilizando o cupom: LC3JQAWPE3XK74E e ganhe 20% de desconto durante 1 ano. Saiba mais em: Conheça o G Suite



Loading...

Da Folha Geral, em Salvador*

*Com colaboração de (agência, assessoria ou especialista)

PUBLICIDADE

Reuniões na SEI, PGE e SEAGRI buscam garantias jurídicas para as terras dos agricultores do Oeste

Candidata do Vale das Pedrinhas vence Concurso Garota Comunidade