em de

Pets idosos: como proporcionar conforto para animais em idade avançada?

Ilustração. Foto: Divulgação

Não tem jeito: quanto mais nossos pets envelhecem, mais bate uma preocupação e uma melancolia em relação ao futuro deles e, infelizmente, ao momento da partida desses companheiros tão importantes. Cuidar bem de cães, gatos e demais animais de estimação na velhice é uma forma de devolver todo o amor e companhia que estes seres deram por tanto tempo e também de dar a eles um final de vida digno e confortável.

Animais idosos precisam de conforto e cuidados com a saúde

Animais já envelhecidos se cansam mais facilmente, perdem um pouco da energia, as horas de sono aumentam, o pelo pode começar a perder o viço e alguns problemas de saúde podem surgir ou se agravar. Nesta fase, a visita regular ao veterinário deve ser seguida à risca, pois o organismo torna-se mais frágil, assim como ocorre com os seres humanos.

A alimentação para pets idosos deve ser adequada para sua idade, e até mesmo incluir suplementação caso o veterinário julgue importante. Isso porque o animal começa a perder massa muscular e o metabolismo fica mais lento. Para bichinhos que perderam parte dos dentes, o cardápio deve incluir alimentos macios ou pastosos, facilitando a ingestão e evitando que o animal perca o apetite.

Os exercícios físicos devem ser mantidos para prevenir complicações motoras, mas por outro lado os animais também podem desenvolver artrite e artrose com o avanço da idade, o que causa dor e desgaste nas articulações. As atividades físicas também devem ser indicadas e monitoradas pelo vet. Massageie e escove o animal frequentemente.

A casa deve ser adaptada para acolher os bichinhos nessa fase. Disponibilize almofadas, cobertores, caminhas e outras superfícies macias para que eles possam se acomodar. Para gatos, ofereça caixas de areia com laterais mais baixas ou aberturas laterais, que permitam que eles entrem e saiam sem dificuldade. Evite mudanças muito grandes na disposição dos móveis, evitando assim que os animais se machuquem. Potes de água e ração podem ser espalhados em maior número pela casa.

Por mais que seja um assunto doloroso, é preciso também pensar no momento da partida dos nossos pequenos amigos. Alguns planos funerários específicos para pets oferecem serviços como cremação, sepultamento em cemitério vertical ou tradicional, e até mesmo velório. A contratação de um plano funerário minimiza as preocupações burocráticas em um momento que já é, por si só, muito delicado e doloroso. Além disso, permite dar ao pet um descanso digno como ele merece.

PUBLICIDADE

Publicidade

Teste grátis por 14 dias. Se você gostar, assine utilizando o cupom: LC3JQAWPE3XK74E e ganhe 20% de desconto durante 1 ano. Saiba mais em: Conheça o G Suite



Loading...

Da Redação - Conteúdo Especial ★

Conteúdo fornecido por colaboradores não representam a opinião do portal

PUBLICIDADE
Prefeitura de Salvador inaugura praça revitalizada na Pituba

Prefeitura de Salvador inaugura praça revitalizada na Pituba

astrologia, signos, bull-2691107_1280

Os 5 signos do zodíaco que mais mentem